quinta-feira, 13 de agosto de 2015

O que é de gosto regala a vida!

Retomar velhos hábitos é sempre complicado, principalmente porque já não temos mais o vigor, e esperanças de quando iniciamos algo pela primeira vez.  Hoje me peguei frente a meu blog que iniciei há um tempo por influencia de um amigo que de plantou-me a ideia de que escrevo com coerência, isto foi acatado e cá estou a tentar entender este meu lado que adora falar por letras, muito tempo se passou e o blog ficou parado, sem historias, sem poemas e sem vontades, pois este ultimo sentimento é o que faz o mundo girar. Escrever é como uma apologia a um Deus que não sabemos, não tocamos mais de alguma forma sentimos sua existência, pelos olhares, pelos desejos, pelos cheiros pela imaginação. Escrever é mais que contar histórias, é mais que se sentir bem, é muito mais muito mais que um hobbie, escrever é arte, é vida, é prazer, é sentir, suspirar, respirar, gozar, surpreender e nos apaixonar cada dia mais por nós mesmos e pelos outros, escrever é amor em palavras escritas, por fim escrever é o que gosto de fazer, então que os outros hábitos e olhares diferenciados que me instigaram de alguma forma a retomar isto, me encha de motivação para deleitar aqueles que de alguma forma esperam boas ideias e lindas histórias, vamos lá novamente!

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Admita

Por mais que tenhamos vivido dezenas de anos, sempre vamos nos deparar com situações em que deveríamos ter ficado parados, respirado fundo e esperar o sangue esfriar. A vida tende constantemente a nos pregar peças, e não estou a falar dos simples problemas do dia a dia tal quais aqueles que certamente no final do dia já não tem mais importância se não forem solucionados. Somos marionetes de nos mesmos, somos tudo aquilo que decidimos para nossa vida, somos exatamente aquilo que decidimos ser e mediante a esta afirmativa, E vamos combinar que é a mais correta a se imaginar!  Porque então, nos surpreendemos com a droga das nossas atitudes frente às situações de extremo estres? Certamente nem um de nos saberá responder esta questão, pois não existe resposta. A vida é um ciclo constante que nos leva a refletir e refletir!  Se hoje estamos bem, que se dane o mundo lá fora, se amanhã as coisas já não ocorrem como esperamos, o mundo lá fora é culpado. Sempre procuramos enquadrar alguém se as situações não correrem exatamente como queremos sempre alguém será culpado, mais jamais olharemos para nos mesmo e diremos à culpa foi minha, eu sou o errado, o erro foi meu, eu tenho que rever meus conceitos. Somos tão cheios de nos mesmos que somos incapazes de acreditar no próprio erro. Saber que somos errados e admitir o erro já são um bom começo para acertar nas próximas topadas e solucionar com mais eficácia oque vier pela frente.

Por: Gisa Figueiredo                                                                                               (imagens do Google)

sábado, 21 de setembro de 2013

Mais um dia de Rock!


A chegada mais calma com a predominância feminina na plateia, dizem as más línguas que se atribuiu ao magnetismo de Bon Jovi e CIA - muito simpático como ele só, até deu uma aparecida na janela do hotel para não frustrar as fás enlouquecidas de plantão. Muitas garotas de todas as idades também estiveram na cidade do rock por contas as bandas Twenty e Nickelback. Outras também esperaram pacientemente na fila da tirolesa, que levava até 6 horas. A jornada, mais pop, terá como primeira atração no Palco Mundo o cantor Frejat, ex-Barão Vermelho.
(Gisa Figueiredo)